quinta-feira, 3 de maio de 2012

O clima da região metropolitana fluminense

No estado do Rio de Janeiro, um dos estados da região sudeste, observa-se vários microclimas, apesar de ser um dos estados com menor extensão territorial brasileiro, a frente dos estados nordestinos de Sergipe e Alagoas. Aqui, nos deteremos a mencionarmos o clima da região metropolitana, e numa outra oportunidade abordaremos a respeito dos demais.

Na região metropolitana fluminense o clima é o tropical semiúmido, que apresenta vários aspectos, dependendo da estação do ano.

No verão, o clima tropical semiúmido é quente e chuvoso, sendo influenciado pela massa de ar tropical atlântica, que se forma sobre o oceano atlântico. É uma massa de ar quente e úmida. Além da MTA, a massa de ar equatorial continental atual na constituição do clima tropical semiúmido. A atuação da MTA e da MEC são alguns fatores que explicam as elevadas temperaturas e os altos índices pluviométricos. A média térmica varia entre 22ºC e 24ºC e o índice pluviométrio entre 1.000 e 1.500 mm anuais.

Já no inverno, o clima tropical semiúmido é seco e com temperatura amena. Esses aspectos são explicados pela atuação da massa de ar polar atlântica, cuja fonte de formação é o continente gelado antártico. A MPA, que é fria, ocasiona o recuo da MEC, que é uma massa quente e pouco úmida, deixando essa área com temperatura amena e o ar seco. Essa massa de ar também possibilita a formação em conecção com a massa de ar tropical atlântica das chamadas chuvas frontais.


Por fim, o outono e a primavera são estações de transição entre o inverno e o verão com térmicas semelhantes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Total de visualizações de página