quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Divisão Regional Brasileira de 1989/1990

     O território brasileiro até 1989/1990 passou por diversas regionalizações: a de Delgado Carvalho em 1913, que é considerada a primeira divisão regional do Brasil; a de 1938, que estabeleceu cinco regiões (Norte, Nordeste, Este, Sul e Centro); a de 1942, a de Pedro Geiger em 1964, que se fundamentou no desenvolvimento do capitalismo, e a de 1969/1970.
     Essas regionalizações do espaço brasileiro obedeceram a parâmetros e produziram novas configurações. Quais então, os parâmetros da divisão regional de 1989/1990? Qual a nova configuração?
     Em relação aos parâmetros adotados, o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) observou que, o desenvolvimento capitalista provocou mudanças em várias partes do território brasileiro, gerando grandes inovações socioeconômicas, mas áreas sem avanços e outras com problemas; também levaram em consideração as condições naturais, e os processos de metropolização e industrialização.
     Quanto à nova configuração, as alterações foram:
. A criação do Estado do Tocantins por meio da Constituição de 1988;
. A integração do Território Federal de Fernando de Noronha ao Estado de Pernambuco;
.Os Territórios Federais de Roraima, Rondônia e Amapá foram elevados à categoria de Estados;
.O novo Estado de Tocantins passou a pertencer à região Norte.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Total de visualizações de página